Desfile Louis Vuitton à Rio : Futurista e Colorido

Enfim uma bela homenagem ao MAC em Niteroi! Para sua coleção “Cruise 2017” Louis Vuitton e seu diretor artístico Nicolas Ghesquiere reúniram mais de 300 VIP vindos do mundo inteiro  no Museu de Arte Contemporânea de Niterói – para um espetáculo futurista e colorida coleção.

stella-pelissari-carnet-chic-louis-vuiton

rio-louis-vuitton

Com belo pano de fundo da baía de Guanabara e nenhuma nuvem à vista, as modelos desciam a gigantesca rampa vermelha do Museu num ballet de tirar o fôlego!

Foi um desfile brilhante  que enalteceu o contraste entre o bruto e a  majestosa natureza desta obra prima criada pelo nosso lendário Oscar Niemeyer.

_LIU0906_646x430

O museu que é muitas vezes é comparado a um UFO porque se assemelha a um disco voador, produziu o efeito desejado por Vuitton e foi um palco ideal para este desfile de moda, onde o talentoso Nicolas Ghesquiere foi capaz de extrair esses elementos da cultura do Brasil que viraram a principal inspiração para esta coleção que deve chegar nas vitrines da Europa no fim do ano.

No ano passado, em uma viagem de investigação ao Brasil, Nicolas visitou cidades como Rio, São Paulo, Brasília e Inhotim onde ele absorveu o look e o “feel” dos brasileiros  por meio de seu povo, referências de arte, arquitetura e estilo de vida.

“Existe no Rio, uma explosão da natureza e arquitetura que se misturam e fazem desta, verdadeiramente uma cidade única. Eu queria que meu trabalho exalasse esse mesmo ar exótico”, diz o designer.

louis-vuitton-carnet-chic

Dois artistas particularmente inspiraram esta coleção: Hélio Oiticica e seus “Parangolés” que aparecem em vestidos com capas e parkas luz como pipas e Aldemir Martins, um importante artista brasileiro da década de 1960, resultando em um dos melhores momentos do desfile.

A coleção começou com uma série de vestidos  em cores pops  tipicamente “cariocas” mas também parkas e blazers sem mangas de nylon equipados com vários bolsos,  evocando as linhas e formas abstratas da arquitetura de Niemeyer.

carnet-chic-louis-vuiton

Isto resultou em um desfile de moda com roupas mais fluidas e com mais movimento, diferente do que ele vem fazendo desde que assumiu a direção criativa da Louis Vuitton. É uma coleção viva e contemporânea.

“O que é mais interessante na moda hoje em dia é como luxo e sofisticação se misturam com temas ligado ao  esporte, salientando o corpo. Isto é o que define o nosso tempo, na minha opinião” …

“Porque o Brasil para mim é música, e música é felicidade”, diz Ghesquière.

“Fiquei fascinado com a dualidade constante entre a natureza e urbanismo e a explosão pictórica que ele cria. Para mim, a principal questão era como incorporar em minha coleção de todos estes elementos que fazem parte da cultura brasileira, para não mencionar que eu sou apenas um visitante que traz minhas próprias referências culturais parisienses e franceses “, conclui.

defile-louis-vuitton-croisiere-2017-rio-carnet-chic

Após o show, ele recebeu a imprensa e alguns convidados em uma área no piso superior do museu. A famosa atriz francesa Catherine Deneuve estava entre uma longa lista de celebridades que apreciaram estilo de vida brasileiro até tarde da noite numa bela festa.

Lindo demais como o nosso Rio! Parabéns Nicolas!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *