365 Coisas para Fazer em Paris – a pé!

Caminhadas definitivamente deliciosas 
LOUVRE – TUILERIES – MADELEINE

Um diálogo com Leonardo da Vinci e a Mona Lisa em pleno coração de Paris. Passarela da moda, do luxo e de ótimos restaurantes.

♥ 14 – CAMINHAR POR PARIS  faz parte do estilo de vida dos parisienses. E isso me faz lembrar um fato que ocorreu logo que cheguei à cidade. Decidi fazer a minha caminhada matinal num charmoso parque perto da minha casa.  Logo nos primeiros passos, me deparei com o olhar curioso dos corredores. Todo mundo corria, só eu caminhava. Então, educadamente, no fim do meu “treino” perguntei para um francês:

– Por que vocês não caminham, somente correm? Ele, surpreso, me respondeu:

– Porque caminhar a gente caminha todo dia e isso não é ginástica!

Portanto, aproveite que Paris é uma cidade plana e entre no clima dos franceses. Faça o seu “exercício” percorrendo a mais bela cidade do mundo.

Coloque sapatos confortáveis e saia sem destino. Até porque, em Paris, você cria “um destino” a cada esquina. A cidade é um labirinto de coisas belas. Uma caixa de pandora.  E certamente você vai suspirar ao dobrar cada esquina. Ah! Paris!

♥ 15 – PLACE DE LA MADELEINE 

Prontos para caminhada? Então que tal fazer o “Tour de France” em uma praça? O lugar já é emblemático por causa de sua majestosa Igreja – La Madeleine, um monumento neoclássico de 1842, que domina boa parte dessa praça. Mas a fama do lugar é também devida às preciosidades gastronômicas que estão instaladas em torno desta igreja. Caminhar pela Praça da Madeleine é um deleite para nossas papilas gustativas. Nela, você encontrará famosas pâtisseries, “chocolateries”, casas de chá, delicatessen, épiceries finas, ainda um pequeno e charmoso mercado das flores e a Pinacoteca de Paris. Passagem obrigatória (nem que seja apenas para apreciar a arte do detalhe: Fauchon, Café Prunier, Senderens). E se você que viver uma experiência única e muito barata, desça as escadarias localizadas à direita da entrada da Igreja. Você vai encontrar o “Foyer de la Madeleine”. Um local que por mais de um século serviu gratuitamente refeições nos seus corredores e pequenas salas – no início, destinado aos pobres, e posteriormente, com a prosperidade da região, às moças que trabalhavam nas grandes lojas e oficinas de alta-costura, instaladas perto da igreja. Em 1969 passou a ser aberta ao público. Com uma carta anual de 5 euros, você pode provar, de forma totalmente inusitada, um almoço que compreende “entrada, prato, queijo, sobremesa” por apenas 8,5 euros. E ainda, uma garrafa de vinho por 2,5 euros. Mas não espere cozinha elaborada. A cozinha é caseira e informal como o próprio ambiente. Why not?

  • Plaça da Madeleine, 75008
  • Metro: Madeleine

♥ 16 – VILLAGE ROYAL

Bem pertinho da Praça da Madeleine, entre uma boutique Chanel e Dior, se esconde uma passagem pequena, mas incrivelmente charmosa. Ela data de 1746 e, na época, acomodava barracas que vendiam frutas, peixes, legumes e pães. Hoje, a Village Royal é um dos locais mais bonitos da região, refúgio perfeito para um café ou simplesmente um pequeno desvio de percurso por um caminho charmoso.

Adoro este local, principalmente em duas épocas: no verão, porque ele é lindamente decorado com flores e no início do inverno, quando ganha imensos pinheiros natalinos decorados com lampiões e luzes vermelhas, fazendo com que a gente se sinta num daqueles filmes de Natal.

Se estiver cansado, experimente o café do Village e continue sua visita, sem pressa,  pelas pequenas boutiques chiques. Siga até o final e dobre à esquerda: você vai se deparar com as vitrines encantadoras das lojas Lanvin e Hermès. Duas boutiques históricas que possuem uma das vitrines mais belas da cidade.

  • Village Royal
  • 25 rue Royale, 75008 Paris
  • Metro: Madeleine – Concorde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *